A história do Cristo Redentor

Não há como pensar no Rio de Janeiro, sem pensar no Cristo Redentor de braços abertos abençoando a beleza carioca! Um dos monumentos mais conhecidos e visitados do mundo. Pensado em 1859 pelo padre Pedro Maria Boss, desenhado pelo artista plástico Carlos Oswald e arquitetado pelo francês Paul Landowsky. Inaugurado no ano de 1931, a estátua está prestes a completar 85 anos no segundo semestre de 2016.

A presença materializada da fé cristã no Brasil surpreende-nos não só pelo que simbolicamente representa, mas, também, por suas dimensões: com quase quarenta metros de altura e cerca de mil e duzentas toneladas, o monumento foi erguido no alto do morro do Corcovado, a mais de setecentos metros acima do nível do mar. Na execução dessa imensa obra muitos obstáculos pareciam insuperáveis, como a presença de um solo muito maleável e pequeno para a construção dos braços abertos do Cristo e a exposição dos operários envolvidos na obra ao clima, por exemplo.

Essa estátua, que é coberta de vários pequenos mosaicos feitos de pedra-sabão, tem uma feição mais detalhada e humana nos olhos e dedos do Cristo, especialmente, onde foram usadas peças mais finas e delicadas ainda desse material. Reto, de braços abertos horizontalmente e com chagas nas mãos, é no coração do Cristo Redentor que encontramos algo especial! Interno, mas visível externamente, o coração foi revestido de pedra-sabão e se projeta no interior do monumento, de modo que a fortaleza construída de duro concreto armado é amenizada pelo coração iluminado e pelos olhos que pendem propositalmente para baixo, fazendo com que Cristo reverencie e abençoe as suas criaturas e criação. Para os mais devotos, a disposição do Cristo Redentor em forma de cruz remete à redenção e a história cristã de sofrimento e de ressurreição em dimensões gigantes no topo do Corcovado.

O turismo brasileiro não seria o mesmo sem o Cristo Redentor, um patrimônio cultural tombado em 2005, dada a sua relevância nacional e que foi considerado um das novas Sete Maravilhas Mundiais em 2007 – eleito com mais de cem milhões de votos populares. Religiosas ou não, cristãs ou não, fato é que pessoas vêm de toda a parte do mundo para visitar o Cristo Redentor e conferir de perto a grandeza – em todos os sentidos, de sua dimensão.

Não conhece esse monumento ainda? Não perca tempo! Para uma melhor estadia no Rio de Janeiro e para saber sobre tudo o que a cidade tem a oferecer para você e sua família, entre no site do Candeias e saiba mais: http://www.candeias.com.br/ .


Gostou deste artigo? Deseja receber mais conteúdos como este?