10 picos e montanhas para se aventurar no Brasil

O Brasil é referência mundial em turismo ecológico e de contato com a natureza. E não seria diferente para a prática do montanhismo. No nosso país as altitudes dos picos e montanhas não estão entre as mais altas do mundo. Apesar disso, a diversidade natural apresenta mirantes naturais esplêndidos para os aventureiros.

No Brasil, grande parte dos picos são médios, mesmo o Pico da Neblina (o mais alto do Brasil), que fica no estado do Amazonas. A grande variedade de montanhas no país apresenta diferentes níveis de dificuldade, particulares de cada uma. Com isso em mente, listamos 10 picos e montanhas para quem gosta de se aventurar:

1- Pico Paraná

Ponto mais alto no Sul do país, é um dos mais cobiçados dos montanhistas. No entanto, por ser uma trilha difícil, é indicada apenas para os mais experientes. Fica entre Antonina e Campina Grande, no Paraná.

2- Dedo de Deus

Cheia de significados, é símbolo do montanhismo brasileiro. O pico de beleza extraordinário é de alta exigência técnica e alcançado por praticantes já com grande experiência. Localiza-se em Guapimirim, no Rio de Janeiro.

3- Pico do Papagaio

Em Aiuruoca, Minas Gerais, com 2.105 metros de altitude, é uma das principais formações rochosas que fazem parte da Serra da Mantiqueira. De dificuldade moderada, é preciso ter alguma experiência em trilhas.

4 – Pico da Bandeira

No limite entre os estados de Minas Gerais e Espírito Santo, fica a terceira maior montanha do país: o "Pico da Bandeira", de aproximadamente 2.892 metros de altitude. Apresenta dificuldade moderada, por isso, pede algum preparo físico.

5 – Morro do Couto

No mais antigo parque em território nacional, o Parque Nacional do Itatiaia, no Rio de Janeiro, é uma das 10 montanhas mais altas do Brasil com 2680 metros. A partir do topo é possível avistar uma cadeia de morros impressionantes.

6- Pico Cabeça de Dragão

Essa montanha com mais de 2000 metros de altitude, tem acesso a partir da cidade de Nova Friburgo (Rio de Janeiro) – local muito famoso por práticas de escalada em rocha. É indicada para iniciantes.

7- Pedra da Gávea

Um clássico brasileiro, é um dos picos mais populares do Brasil. Do alto dessas gigantescas pedras é possível ter uma visão incomparável da cidade do Rio de Janeiro. De dificuldade moderada, pelo trecho em que se sobe a famosa Carrasqueira, aconselha-se a presença de alguém experiente em escalada.

8- Pico das Agulhas Negras

Ponto mais alto do Estado do Rio de Janeiro, o Pico das Agulhas Negras também está entre as 10 mais altas do Brasil. Aconselha-se a companhia de um profissional em escalada. Um dos motivos de ser tão apreciada pelos montanhistas, além da grande altitude, é sua aparência rochosa e única.

9- Serra do Lopo

Em Extrema, divisa entre São Paulo e Minas Gerais, está uma das trilhas mais recomendadas para os iniciantes em montanhismo. Por seu platô, a caminhada é bem simples e fácil, permitindo fácil acesso a seus mirantes de lindas paisagens.

10- Poço das Moças

Região de cachoeiras em Paranapiacaba, distrito de Santo André, em São Paulo, o Poço das Moças é um poço de cerca de cinco metros de profundidade no meio da mata atlântica. Com grande proximidade com a capital paulista, é uma caminhada simples, mas que exige algum preparo físico.

Programe sua viagem

Um dos itens de planejamento de uma viagem de montanhismo é definir onde se hospedar. O Clube Candeias é referência no Brasil quando o assunto é hospedagem. Além da rede integrada com mais de 500 mil opções de hospedagem pelo mundo, também disponibiliza dezenas de unidades próprias, espalhadas em diversas cidades brasileiras.

Para mais informações, clique aqui.




Gostou deste artigo? Deseja receber mais conteúdos como este?