5 cavernas no Brasil para conhecer

O Brasil possui muitas cavernas, algumas tão belas e incríveis que vale a pena se arriscar em uma aventura por debaixo da terra. Para ajudar na escolha da sua próxima viagem, abaixo apresentamos cinco cavernas brasileiras surpreendentes e que estão esperando por sua visita. Confira:

Caverna do Diabo

Em Eldorado, no estado de São Paulo, fica uma das cavernas mais emblemáticas do Brasil, cercada de lendas e mistérios. A Caverna do Diabo recebe muitos turistas curiosos em conhecer seus encantos. O visitante percorre escadas, passarelas e pontes acompanhado por monitores e sob iluminação artificial. São 700 metros de caminhadas em meio a esquisitas e imensas formações rochosas.

No interior da caverna há uma formação rochosa muito semelhante às feições de uma caveira. Quando é iluminada, uma luz vermelha reflete nos vãos onde seriam os supostos olhos. O resultado é um tanto assustador, porém, é justamente isso que atrai os turistas para conhecê-la.

Abismo Anhumas

A cidade de Bonito, no Mato Grosso do Sul, já chama atenção por ser um local de cenários paradisíacos. Porém, o viajante não pode deixar de explorar o famoso Abismo Anhumas. Trata-se de uma caverna simplesmente incrível! No entanto, é preciso ter também certa coragem para desvendá-la.

Para alcançar o fundo da caverna, o turista desce de rapel uma altura de 72 metros sem encostar os pés como apoio em lugar algum. Chegando lá embaixo há a compensação: um lago de águas cristalinas aguarda o aventureiro para a atividade de flutuação. São oferecidos coletes salva-vidas, máscaras e snorkel. Os mais corajosos podem conhecer as águas profundas do lago e se surpreender com os cones de calcário que chegam a quase 20 metros de altura.

Poço Azul

A Chapada Diamantina revela muitas surpresas aos seus visitantes. Uma delas, de inexplicável beleza, é o Poço Azul. São cerca de 16 metros de águas cristalinas e de tons azuis que despertam a atenção dos turistas. É um passeio para todas as idades. O turista pode conduzir seu veículo até a entrada da caverna e encarar uma escadaria de acesso até a lagoa. Quem estiver disposto a uma aventura extra, pode flutuar e praticar mergulho com máscaras e snorkel. As rochas no fundo do poço azul são dignas de registro.

Uma dica bem interessante para quem desejar apreciar o tom azul da lagoa é visitar o local entre os meses de fevereiro e outubro, nos horários das 12h30mim às 14h. Nessa época do ano os raios solares entram pela boca da caverna iluminando a água e realçando ao máximo a cor azul.

Morro Preto

O Parque Estadual do Alto do Ribeiro (PETAR), em São Paulo, possui mais de 350 cavernas catalogadas. Mas há uma que se destaca: a Caverna do Morro Preto, conhecida por ter uma das mais incríveis entradas. O visitante pode percorrer somente 100 metros, e é o suficiente. Ao chegar a um mirante o turista obtém uma visão total da boca da caverna e dos raios solares que penetram no ambiente.

Para quem curte história, o passeio se torna ainda mais fascinante. Povos primitivos provavelmente usaram a caverna como habitação, já que vestígios foram encontrados no local.

Terra Ronca

Faz parte do Parque Estadual de Terra Ronca (Januária – MG) e é uma caverna impressionante. São 96 metros de altura e 120 metros de largura. Não é à toa que ela é a mais importante caverna do Parque. Os salões chamam atenção por suas estalactites e colunas de pedra e muitas pessoas brincam que estão visitando outro planeta.

Unidades próprias pelo Brasil

O Clube Candeias sempre está ao lado do seu associado em qualquer lugar do Brasil. As unidades próprias possuem qualidade superior, sempre pensando no bem-estar das famílias. O atendimento é de primeira e o associado se sente privilegiado em pertencer ao Candeias. Associe-se e desfrute das mais belas paisagens do Brasil.

Clique aqui e saiba mais.




Gostou deste artigo? Deseja receber mais conteúdos como este?