Dicas de trilhas incríveis para fazer no Brasil

São diversas opções para os apaixonados por aventura.

Por se tratar de um segmento que explora ambientes externos, possibilitando passeios sem aglomeração, o ecoturismo ganha atenção especial em meio à pandemia e é aposta considerável para retomar o turismo.

O Brasil é riquíssimo em belezas naturais e possui uma série de opções magníficas à disposição. As trilhas são a alternativa para os apaixonados por natureza e que não têm medo de se aventurar. Veja algumas delas:

Trilha Pedra do Peito de Pombo – Arraial do Sana, RJ

Arraial do Sana abriga uma trilha com nível de dificuldade considerado difícil. O trecho leva em torno de três a quatro horas de caminhada. Com passagens por rio e cachoeiras, a trilha também passa por íngremes subidas em mata fechada e, após esses obstáculos, é possível chegar ao topo e avistar a Pedra do Peito de Pombo e o litoral de Macaé, além de outras cidades, como Cabo Frio e Búzios, o que torna a vista espetacular.

Trilha Lagoinha do Leste – Florianópolis, SC

Aqui encontramos duas opções de trillhas: uma pela Praia do Matadeiro e outra pela Praia do Pântano do Sul. A diferença entre os dois trechos é que o percurso mais longo, de duas horas, feito pelo Matadeiro, é mais plano e considerado mais bonito, pois é feito, em sua maioria, costeando o mar, enquanto o trajeto feito pelo Pântano do Sul é mais íngreme, mas leva menos tempo, cerca de uma hora. Existem aventureiros que, a fim de conhecer ambas as trilhas, fazem o percurso longo na ida e pegam o mais curto na volta. De qualquer forma, é inquestionável que vale cada esforço, porque além da vista de um extenso mar, a paisagem surpreende com suas formações rochosas que oferece inúmeras possibilidades aos apaixonados por fotografia.

Trilha Pico do Lopo – Extrema, MG

Ao contrário do nome da cidade, em Extrema está localizada uma trilha de nível fácil, indicada para diversas idades e resistências. A caminhada leva em torno de duas horas, é considerada apropriada, até mesmo, para iniciantes e leva os visitantes a uma vista panorâmica, de 360 graus, encantadora!

Trilha Rio do Boi – Praia Grande, SC/Cambará do Sul, RS

Com aproximadamente 15 km de percurso e levando entre sete a oito horas de duração, essa trilha localizada entre os estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, é indicada para os aventureiros mais experientes, exigindo ainda assim um guia. Ela acontece em meio ao Cânion Itaimbezinho e esse é um dos principais pontos que chamam a atenção, pois a trilha é feita em uma espécie de fenda entre paredões em torno de 700 metros de profundidade, repleta de travessias por terra, pedras e até mesmo o próprio rio, o que proporciona uma experiência incomparável.

Trilha Cachoeira da Fumaça – Chapada Diamantina, BA

Outra alternativa mais leve é a visita por cima da Cachoeira da Fumaça, que leva seu nome devido à forte queda d’água, passando a impressão de transformar a água em fumaça. O percurso tem 12 km total, sendo os dois primeiros os que mais exigem condicionamento físico, mas que com certeza vale a pena pela vista de uma das maiores cachoeiras do Brasil.

Trilha Cachoeira da Neblina – Presidente Figueiredo, AM

No município de Presidente Figueiredo há uma opção que também leva seus visitantes a uma cachoeira. Trajeto de 6 km, mas de terreno em sua maior parte plano, essa trilha é considerada de nível fácil, e sua maior atração, além do destino que é a Cachoeira da Neblina e sua possibilidade de banhar-se no local, o caminho todo em floresta fechada encanta com sua beleza visual e sons emitidos pela natureza.

Trilha Areia que Canta – Brotas, SP

A trilha da Areia que Canta, com somente 2 km total a percorrer, é a mais calma da lista. Leva seu nome devido à areia ser fina, de grãos de quartzo e, quando esfregada emite um som singular. Ao chegar à nascente, que conta com águas límpidas e tons esverdeados, é possível, com colete e guia, entrar e contar com uma experiência maravilhosa.

O Clube Candeias garante aos associados atendimento exclusivo, benefícios especiais e rede integrada ao redor do mundo, além de unidades próprias em diversas cidades brasileiras. Clique aqui e saiba mais.




Gostou deste artigo? Deseja receber mais conteúdos como este?