Viagem com crianças: veja algumas regras e cuidados

Com o avanço da vacinação pelo mundo, as viagens estão voltando, aos poucos, a ser uma realidade. Assim, planejar, nunca foi tão necessário antes de colocar os pés na estrada, principalmente para quem viaja em família. Mas é preciso atenção aos detalhes, pois em viagens com crianças, alguns cuidados e documentos especiais são essenciais.

As formalidades variam de viagens nacionais para internacionais e segundo as diversas faixas etárias da criança. Confira a lista com as regras que precisam ser seguidas:

Para quem vai pegar um voo nacional:

Crianças de 0 a 7 anos de idade

É que os pequenos estejam acompanhados da mãe, do pai ou do responsável. Caso esteja com um familiar maior de idade até o terceiro grau de parentesco ou mesmo outro adulto, deve ter autorização dos pais. Caso seja um recém nascido de, no máximo, sete dias, é preciso providenciar um atestado médico informando a situação de saúde do bebê e da mãe. Lembrando que é indispensável levar certidão de nascimento original e cópia autenticada.

Crianças e adolescentes de 8 a 15 anos de idade

Aqui também é preciso que a criança esteja acompanhada dos pais ou responsável(eis). A viagem com parente (maior de idade) de até 3º grau ou outro adulto, maior, deve ser autorizado pelos genitores ou responsável.

Adolescentes a partir de 16 anos

Para voos nacionais não há necessidade de autorização nem de companhia, bastando apresentar documento de identificação com foto.

Caso o voo seja internacional, é fundamental cumprir os seguintes requisitos:

Bebês e crianças até 11 anos de idade

Para embarcar é necessário estar acompanhado de ambos os genitores. Caso seja apenas a companhia de um dos pais, é imprescindível que o outro tenha autorizado a viagem (autorização com firma reconhecida). Caso seja um terceiro, também é preciso autorização dos pais – em cartório.

Crianças e adolescentes entre 12 e 18 anos de idade

Precisam estar acompanhadas pelo menos por parentes de até 3º grau ou um terceiro sem parentesco maior de idade.

Na hipótese de a viagem acontecer também dentro do Brasil, porém de ônibus, crianças menores de 12 anos de idade só podem viajar se estiverem acompanhadas de parentes maiores de idade e de até 3º grau. Caso a viagem seja com terceiro, é essencial que haja uma autorização judicial, por parte de ambos os pais, com firma reconhecida.

Para quem pretende viajar com criança e/ou adolescente para cidades vizinhas, sendo do mesmo estado ou da mesma região metropolitana, é dispensável todo tipo de autorização quando a companhia for de um parente maior de idade até 3º grau.

Para quem vai viajar com crianças e/ou adolescentes menores de 16 anos de idade para fora do país, mas de ônibus, a autorização é dispensada quando estiver acompanhada pelos pais (ambos). Na hipótese de a viagem acontecer com apenas um dos pais, passa a ser indispensável a autorização do outro responsável. No caso de a companhia ser um parente ou mesmo um terceiro, é essencial que a autorização judicial esteja assinada por ambos os genitores.

Hospedagem

Clube Candeias, maior clube de férias do mundo, dispõe de diversas unidades próprias, a preços imbatíveis, além de uma ampla rede integrada, com mais de 500 mil opções em hospedagens espalhadas pelo mundo todo. As reservas podem ser feitas online, pelo aplicativo ou pelo Portal do Associado.

Clique aqui e saiba mais.




Gostou deste artigo? Deseja receber mais conteúdos como este?